terça-feira, 21 de novembro de 2017


"Literatura, o melhor caminho para 
se ter uma boa direção"


Conheçam agora W. Figueirôa
livro  Pégalus: O velho, um boneco e um caçador





Blog: Como se vê daqui a 10/15 anos?
W. Figueirôa: Eu...? riso. A mesma pessoa. Possa ser que algum milagre literário aconteça e eu fique rico. Riso. Não penso muito nisso. Quero mesmo é ter algo a dizer para os leitores. Amo as palavras...

Blog: Qual a sua maior alegria e a maior dificuldade no mundo literário?
W. Figueirôa: A maior alegria foi ter conseguido uma Editora sem precisar pagar, realizando meu sonho de ter meu livro publicado... E maior dificuldade é fazer o livro chegar aos leitores, porque um autor iniciante, não tem muita opção, quanto a divulgação física.

Blog: Sobre o que gosta de escrever? De onde tira a inspiração para suas histórias?
W. Figueirôa: Sou um pouco eclético. Não existe assim uma receita certa, é tudo muito relativo... Por exemplo: Às vezes por um título, consigo idealizar toda uma história. Estou com um livro pra começar, que já tenho todo o enredo na cabeça, devido a um email que recebi com uma estrofe. Esse livro que lancei pela Editora Multifoco, a ideia veio após ter visto uma imagem na rede social, e resolvido então fazer um treino de descrição da própria imagem... E depois que descrevi, veio a ideia do livro.

Blog: Como você faz para divulgar o livro? Qual a melhor forma?
W. Figueirôa: Olha, pra um autor iniciante como eu, só restam mesmo as redes sociais...

Blog: Quando começou a escrever, já pensava em seguir carreira?
W. Figueirôa: Escrevo desde que me pediram para fazer uma redação, ainda no primário colegial. Riso. Agora, em se tratando de livro, só veio algo mais concreto e complexo, pós os 30 anos. Olha, essa coisa de seguir carreira é muito complicado aqui no Brasil. Mas, vou continuar escrevendo até quando não puder mais... riso.

Blog: Uma frase que te define?
W. Figueirôa: Perseverança no que faço...

Blog: Como vê a literatura no Brasil?
W. Figueirôa: Tem melhorado bastante, mas precisa-se se atentar a qualidade de escrita, pra não se escrever tantas bobagens, deixando a cultura literária brasileira pobre...

Blog: O que é preciso para que a literatura no Brasil seja mais valorizada?
W. Figueirôa: Iniciativa das Editoras para com os autores nacionais e a ajuda dos empresários, fazendo uma parceria.

Blog: Deixe um recado para seus leitores e seguidores do blog:
W. Figueirôa: Que eles procurem ler mais livros nacionais, não que eles abandonem os de fora, e poder fazer críticas construtivas para uma melhora nos autores brasileiros, porque o melhor crítico literário é o leitor.


Para comprar o exemplar do livro do W. Figueirôa:
Editora Multifoco: Clique aqui
Página do livro no Skoob: Clique aqui

2 comentários:

  1. Mais uma vez, muito obrigado querida, pela força!

    Sucesso pra você e teu trabalho maravilhoso com a nossa literatura...

    ResponderExcluir